Depilação a laser

Depilação é a remoção dos pêlos do corpo, duradoura ou temporária. Uma das maneiras mais eficazes e duradoura de realizar a mesma é com a tecnologia do laser, podendo ser utilizada em quase todas as áreas corporais.

Existem vários tipos de laser e luz intensa pulsada (LIP) que podem ser utilizados para esse fim, entre eles o laser de diodo (Lightsheer), alexandrite e o Nd: YAG (para peles com maior pigmentação).

O tratamento ocorre pela captação da energia (luz), emitida pelo aparelho, pela pigmentação (melanina) existente no folículo piloso, levando ao enfraquecimento e a destruição do mesmo. Dependendo da área tratada, o procedimento pode durar apenas alguns minutos.

O número de sessões dependerá de diversos fatores como: área tratada, densidade dos pêlos, ciclo de crescimento, entre outros.

Várias sessões são necessárias, pois o laser enfraquece o folículo apenas quando o pêlo está em sua fase de crescimento; geralmente as sessões são mensais.

O resultado do tratamento é individual, pois fatores como cor da pele, pigmentação e espessura do pelo, são determinantes. (Pêlos escuros e mais grossos, em peles mais claras, apresentam os melhores resultados)

Alterações hormonais podem influenciar e prejudicar o resultado do tratamento, ou aumentar o número de sessões, por isso as mesmas devem ser tratadas.

Após cada sessão, a pessoa pode retomar suas atividades diárias, no entanto, sem exposição solar no local tratado; isso pode levar a manchas e queimaduras no local, além de peles bronzeadas estarem contra-indicadas ao tratamento.

É um procedimento relativamente seguro, quando executado por profissionais capacitados.

Contudo, poderá ter efeitos colaterais indesejados, como queimaduras e cicatrizes caso isso não seja respeitado, uma vez que exige indicação de tecnologia especifica a cada caso, preparo da pele, orientações pré e pós laser, assim como tratamento de patologias associadas.

Indicações:

  • Pêlos encravados;
  • Aumento de pêlos em locais indesejados;
  • Desejo de redução de pêlos por estética.

Fonte: http://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/procedimentos/depilacao-a-laser/4/

Dra. Ana Carolina Antunes
Médica especialista em dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia
Pós Graduação em Dermatocosmiatria pela FMABC
Pós Graduação em Tricologia e unhas pela UMC
Preceptora do Serviço de Dermatologia da Universidade de Mogi das Cruzes