Estrias

20% da população tem estrias!

As estrias são uma ruptura das fibras de colágeno e elastina que promovem a elasticidade na pele .

Acometem, mais comumente, indivíduos jovens, pela maior densidade de colágeno nessa idade. Surgem por muitos fatores como: crescimento na adolescência, aumento de peso, gestação, uso crônico de corticoide tópico ou oral, pelo aumento muscular intenso na musculação e esportes, onde o alongamento é vigoroso, entre outros.

A má alimentação pode ter influência, quando há excesso de açúcar, gordura saturada e de sal. O uso de cremes específicos, altamente hidratantes, pode prevenir seu aparecimento e serem associados a outros tratamentos.

São muitos os recursos utilizados para tratamento, porém sua resposta é individual e depende do tempo de existência das mesmas. Estrias recentes, avermelhadas, geralmente tem melhores resultados em comparação com as antigas, brancas. Pacientes de pele morena as estrias recentes podem se apresentar acastanhadas.

O tratamento domiciliar envie manter a pele sempre bem hidratada, ter uma ingesta de água adequada e boa alimentação, além de uso de cosméticos que ajudam a promoção de colágeno noturno, como ácido retinóico e glicólico, por exemplo.

Contudo muitas vezes é necessária intervenção médica. Entre os principais tratamentos estéticos dermatológicos temos: laser, luz intensa pulsada, peeling químico ou físico, radiofrequência.